Blog Feed

Perdeu dinheiro com bitcoin nos últimos 7 dias? – Mercurius Report #14

Acredito que você possa estar entre as pessoas que começou a investir em bitcoin e em outros ativos nos últimos meses e está vendo todos os lucros que havia auferido em sua carteira de criptomoedas sumirem.

Se você se encaixa nessa descrição, o nosso Report Semanal é
para você, pois além dessa versão gratuita que iremos analisar esse momento de
queda, realizamos um estudo exclusivo para os nossos assinantes que ensina como
não perder dinheiro
nesses momentos de queda.

Se você perdeu mais de 10 reais nessa queda (o preço de
nossa assinatura), talvez ela possa ser um excelente investimento para você.

Mas vamos para as atualizações da semana…

-50% em
seus investimentos.

Há algumas
semanas comentamos sobre o caso da Yam Finance, um protocolo DeFi que,
por conta de um Bug, fez com que os investidores perdessem mais de 95%
do seu capital em apenas uma hora.

A história
se repetiu, mas de forma diferente.

Após um
grande Hype pelo Sushi Swap, o ativo que valorizou mais de 300% em menos
de uma semana, perdeu 98% do seu valor em relação a seu maior preço logo
em seguida, após seu criador vender todos os tokens que esse possuía.

O que
esse caso nos diz?

Ele nos diz que existe sempre um grande risco ao se investir em um ativo que
está em seu início com uma grande concentração de tokens em seus criadores. A
história se repetiu, cuidado com a ganância e a ideia de ganhos muito fáceis. Foque
na consistência de seus investimentos. Caso queira receber mais orientações
sobre esse caso, entre em nosso Canal do Telegram.

Você foi
ganancioso? O mercado foi!

O medo
volta ao mercado de criptomoedas. Após a desvalorização de 13% nos últimos
sete dias do Bitcoin, os investidores do criptoativo voltaram a temer um BearMarket.

Sendo
interessante observar que o mês mais otimista do mercado (agosto) teve como
consequência uma das maiores desvalorizações do ano, mostrando que você deve
tomar cuidado com o excesso de ganância.

Tendência
de queda está próxima?

A queda
do Bitcoin
aqueceu novamente o mercado spot, que se manteve com um alto
volume nos últimos trinta dias.

Esse fato
pode ser interpretado como um mal sinal para o preço do Bitcoin, dado
que uma queda com um alto volume reforça a tese de que existiu um movimento de
mercado e não uma manipulação, o que pode ter como consequência o início
de uma tendência de Bear Market.

Somente
correção, ou teste para a baixa?

O Bitcoin abriu setembro em uma forte baixa, puxada
pela necessidade de correção da cotação após a valorização observada desde
março.

Infelizmente, como de costume, tenho muita confiança em
dizer que o tipo de investidor que mais comprou no topo foi aquele que menos
conhecia sobre Bitcoin
, ou era mais inexperiente. Para essas pessoas, resta
a dúvida: o que fazer agora?

Para situá-los, vale a pena destacar que permanecemos em uma
tendência de alta. Portanto, o desespero nada vai ajudar na tomada de
decisão.

No momento, os limites dessa tendência estão no topo e no
fundo de um canal paralelo, que condizem com uma resistência a 13800 USD e dois
suportes fortes em 8300 e 7000 USD. Eles constituem uma região para realização
de lucro e compra, respectivamente.

Qual será
a próxima tendência do mercado?

Para descobrir, baixe o nosso Report Semanal, pois preparamos uma análise completa desse momento de mercado para você.

E
se quiser receber estudos semanais sobre o mercado de
criptomoedas, além de uma análise de risco das principais exchanges do mercadotorne-se assinante da Bitcoin
Starter.

PS: Não
estamos recomendando
 nenhum investimento, apenas te informando sobre o
mercado para que você possa tomar a melhor decisão o possível.

The post Perdeu dinheiro com bitcoin nos últimos 7 dias? – Mercurius Report #14 appeared first on Foxbit .

Investimento para iniciantes: dicas para quem quer começar

Quer saber como investir mas não sabe por onde começar? Preparamos diversas dicas de investimento para iniciantes com tudo que você precisa saber para iniciar com segurança sua jornada.

Mostraremos que investimento não precisa ser algo complicado e te guiaremos para começar a realizar seus sonhos com diversas dicas para quem quer começar.

O que você vai aprender neste post:

Por que começar a investir?

Para iniciar nossa caminhada rumo a uma vida financeira mais equilibrada, primeiramente, precisamos entender o porquê devemos investir em boas aplicações em vez de deixar o dinheiro de baixo do colchão ou na poupança.

E isso tem a ver com o gráfico abaixo, ele mostra a perda do poder de compra do real desde o seu lançamento até o começo de 2019.

Isso significa que se você tivesse guardado R$100 em julho de 1994, ele só compraria o equivalente a R$17,00. A mesma nota de R$100,00 vale menos hoje do que há 25 anos. Esse é o efeito da inflação, ela corrói o poder do seu dinheiro como uma praga destrói uma plantação. Se você não cuidar, boa parte dos frutos que você conquistou com o seu trabalho serão destruídos por ela.

Então, como não deixar a inflação arruinar seus sonhos? É aí que entra o planejamento para os investidores, e nós vamos te ajudar nessa tarefa.

O planejamento básico para investidores iniciantes

O investimento para iniciantes pode parecer assustador, mas alguns passos simples podem te ajudar a conquistar seus sonhos mais rapidamente.

1. Iniciando o planejamento para investir:

O primeiro passo para iniciar bem é fazer um planejamento financeiro. Para isso, diversos aplicativos podem te ajudar, os preferidos do mercado são:

  • Guiabolso: conta com integração com diversos bancos e uma interface simples;
  • Mobills: seu forte está no planejamento mensal, mas ele te dá um número limitados de contas bancárias para administrar. Ótimo para quem tem apenas 1 conta de banco.
  • Planilha: para os mais tradicionais, a planilha é uma boa escolha. Mas ela exige disciplina.

Veja os seus gastos por 1 mês e entenda onde você pode economizar e para onde está indo seu dinheiro. Semanalmente, faça uma revisão dos seus gastos e até um planejamento, os aplicativos permitem uma boa visualização de cada despesa.

Com resultado, você poderá ter uma noção de quanto será aplicado para alcançar seus objetivos financeiros.

2. Defina seus objetivos

Essa é uma das dicas mais importantes de investimentos para iniciantes, ela vai te motivar a continuar guardando e melhorando a cada dia. Crie objetivos claros.

Após planejar os seus gastos, imagine o que você fará com esse dinheiro guardado. Por exemplo, você pode desejar estudar fora do país, conseguir a liberdade financeira, abrir o próprio negócio, comprar uma casa, um carro ou adquirir um computador gamer.

Separe os objetivos em curto, médio e longo prazos. Dessa forma, você consegue acumular patrimônio e continuar motivado.

3. Dívidas, o que fazer com elas?

Na maior parte dos sites de investimentos você vai encontrar uma dica como: “saia completamente das dívidas, agora!”. Claro, as dívidas são prioridades e você deve pagá-las o quanto antes, principalmente se elas acumulam juros. Mas existe um porém.

Se as dívidas tiverem juros menores que as aplicações, talvez, seja possível investir mesmo com dívidas. Do contrário, é como tentar encher um balde com o fundo aberto, a velocidade de vazamento é sempre maior ou igual a quantidade de água que você coloca.

Dificilmente você encontrará um investimento que te dá grande segurança e te remunere acima dos juros praticados pelo mercado. Então, em geral, tente se livrar das suas dívidas.

4. Conheça o seu perfil

Com o planejamento em andamento, chegou o momento de entender onde você deve investir.

Para isso, é preciso conhecer o seu próprio perfil de investidor. A classificação depende da tolerância ao risco e também dos seus objetivos.

Como descobrir meu perfil? Um bom começo é fazer um teste no Cointimes: Perfil de investidor: faça o teste e descubra o seu.

5. Abra uma conta em uma corretora

Para iniciar os seus investimentos é importante ter uma conta em uma corretora, não é essencial mas algo que pode fazer a diferença, principalmente devido a variedade de produtos oferecidos por elas. As corretoras são instituições autorizadas a operarem no mercado financeiro.

Existem diversas corretoras no mercado, como a Foxbit – uma exchange de bitcoins. Abrir uma conta na Foxbit não demora 5 minutos e você só precisa de um e-mail, RG e comprovante de endereço para completar o cadastro.

É importante que você avalie as taxas de cada corretora, sua reputação no Reclame Aqui e se ela oferece os produtos que você precisa.

6. Comece fazendo uma reserva financeira

O primeiro passo na hora de investir é começar a construir sua reserva de emergência. Especialistas recomendam a construção de uma reserva forte o suficiente para aguentar de 6 a 12 meses dos seus gastos mensais.

A reserva de emergência ajuda em imprevistos, como perda de emprego, falência da empresa ou problemas de saúde. É possível guardar sua reserva em investimentos líquidos e com grande segurança, como os CDBs (explicaremos abaixo).

Investimentos para iniciantes, quais os melhores?

Existem diversos investimentos no mercado financeiro. Cada um tem qualidades diferentes para tipos e perfis de investidor diversos. Então, por onde começar a investir?

Investimento em renda fixa

Uma das maneiras mais fáceis de adentrar no universo dos investimentos é começar com ativos cuja remuneração tem regras definidas desde o começo. Ao investir em renda fixa, o investidor faz um empréstimo.

Emprestando para os bancos: 

A maneira mais simples de começar a investir é “emprestar” seu dinheiro para os bancos.  Se faz isso usando CDB (Certificado de Depósito Bancário), eles ajudam o banco a financiar empréstimos e outras operações. 

O CDB usa o CDI (Certificado de Depósito Interbancário), taxa de empréstimos entre os próprios bancos, para remunerar os investidores. Quanto maior o risco do banco, maior a rentabilidade e porcentagem do CDI. Por exemplo, o Bradesco geralmente oferece 85% do CDI. Já o Neon, Nubank e Inter dão 100% do CDI com liquidez diária.

Vale ressaltar que o CDB está coberto pelo Fundo Garantidor de Crédito (FGC) em investimentos de até R$250 mil. Ou seja, se o banco falir você terá a garantia de até R$250 mil.

Outras aplicações de renda fixa são:

  • Tesouro Direto
  • LCI (Letra de Crédito Imobiliária)
  • LCA (Letra de Crédito do Agronegócio)
  • Debêntures (você empresta dinheiro para empresas)
  • Fundos de Renda Fixa
  • CRA (Certificado de Recebíveis do Agronegócio)

Renda variável

A renda variável tem um retorno impossível de ser previsto quando o investimento começa, diferente da renda fixa.

Não dá para ter certeza sobre a valorização de uma ação ou fundo imobiliário, por exemplo. Por essa imprevisibilidade, muitos especialistas não recomendam o investimento em renda variável. Mas se mesmo assim você quiser investir, é bom estudar sobre o tema.

As aplicações de renda variável são inúmeras, mas as principais são:

  • Bitcoin: foi o melhor investimento da década, segundo a CNN. A criptomoeda é muito arriscada, mas tem um histórico de grandes retornos.
  • Ações: o mercado de ações está cada vez mais procurado no Brasil, principalmente pela diminuição da SELIC, taxa referência para diversos investimentos de renda fixa;
  • Fundos de Investimentos: permitem investir em renda variável de maneira fácil, mas muitos cobram taxas de administração. É recomendado principalmente para quem não quer se dar ao trabalho de estudar o mercado ou prefere deixar essa tarefa para especialistas.

Em geral, o investimento para iniciantes deve começar pela reserva de emergência e aos poucos diversificar para ativos em renda fixa e até mesmo aportar parte em renda variável de acordo com seu perfil.

Tem alguma dúvida sobre investimentos? Deixe sua pergunta nos comentários e não esqueça de seguir a Foxbit nas redes sociais – Instagram, Facebook e Twitter

The post Investimento para iniciantes: dicas para quem quer começar appeared first on Foxbit .

Preço do Bitcoin caiu, Bo Williams explica

Bo Williams, com 24 anos de experiência no mercado financeiro, analista financeiro (CNPI/T -1215), trader e criador do poderoso trade system PhiCube explica a queda preço do Bitcoin e as tendências do mercado na sua última live no canal da Foxbit:

O que aconteceu com o Bitcoin no Brasil?

Para o experiente analista, a queda no dólar ajudou a maximizar as perdas do Bitcoin no Brasil – que está sendo negociado nos R$55 mil no momento do post. 

Já quando falamos de BTC/USD, ele vê um forte suporte US$10.240,00, mas não descarta uma segunda queda para US$9.500,00

Suporte do preço do Bitcoin em dólar

Oportunidade de compra?

Fazendo uma análise do dólar e do Bitcoin no Brasil, Bo vê um grande suporte em R$55 mil. Vendo boa oportunidade de compra se o gráfico fizer um “pivô” que demonstre uma possível alta subsequente

bitcoin brl

Mas ele também considera uma outra possibilidade, a de uma queda até a linha de R$46200,00 e uma possível falha para quebrar a resistência do top alcançado no dia 11 de maio, o que poderia significar uma queda ainda maior no preço do Bitcoin.

Neste caso, o Bitcoin pode ter dificuldade de passar dos R$66 mi. Alcançando este patamar, é possível que o btc cai para R$51 mil após realização de posições.

“Esse é um dos exemplos que eu acho que vai acontecer”

grafico bitcoin

“Eu estou achando difícil nós chegarmos no nosso 76 mil [antigo alvo], nessa ‘pernada’ . Então pode ser a gente volte mesmo para R$52 mil e depois voltar para 66, andar de lado.

O mais provável é uma faixa operacional entre R$52 mil e R$66 mil, isso sugere compras no R$52 mil, vendas no 66 mil, compras de novo nos 52 mil e aí um jogo de pingue-pong nesses níveis”.

Bo Williams também fez uma análise das principais altcoins, para saber quais são as tendências veja o vídeo completo acima. 

E você, acha que o preço do Bitcoin vai subir ou descer? Deixe seus comentários no nosso canal do Youtube e não se esqueça de se inscrever para receber as novidades do mercado de criptomoedas no Brasil.

The post Preço do Bitcoin caiu, Bo Williams explica appeared first on Foxbit .

Como investir em Ouro? Guia completo

Como investir em ouro - Guia Completo - Barras de ouro

O ouro está com tudo, mas você sabe como investir em ouro de forma segura?

Entre 2000 e 2019, o ouro acumulou valorização 240%, praticamente cinco vezes o retorno do Ibovespa no mesmo período.

Em 2020, investir em ouro oferecia rentabilidade próxima de 40% até junho. Os investidores costumam comprar ouro para se proteger em tempos de incerteza.

O ouro é um metal precioso muito valorizado desde que foi descoberto e passou a ser usado como reserva de valor.

Períodos de guerras, crises econômicas e de saúde (pandemia em 2020) elevam o interesse pelo ouro como parte da carteira de investimentos.

Em geral, investidores alocam entre 5% e 10% do patrimônio líquido em ouro.

Comece hoje a guardar dinheiro: Abra sua conta gratuita na Grão (clique aqui)

Vale a pena investir em ouro?

Considerando o histórico da rentabilidade do ouro nos últimos anos, é cada vez mais comum a dúvida sobre como investir em ouro.

Será que essa decisão faz sentido para todo tipo de investidor? Por que comprar ouro?

Porque o ouro é um ativo físico e uma reserva de valor, além de ainda lastrear a reserva monetária de inúmeros países e suas economias.

Os especialistas confirmam que o ouro é um ativo muito seguro e com demanda praticamente garantida, além de boa facilidade de ser convertido em dinheiro (liquidez).

Quando as coisas ficam nebulosas, o ouro é uma das poucas “certezas” que o investidor conhece. Pense na história do ouro e sua utilização ao longo do tempo.

Trata-se de um dos ativos mais antigos do mundo, sempre com oferta, demanda e valor. Quem tem ouro, tem patrimônio e reserva de valor.

É seguro comprar ouro?

Pense em uma carteira de investimento composta por 60% em renda fixa e 40% em renda variável.

Com a queda brusca tanto dos juros quanto do Ibovespa ocorrida no primeiro semestre de 2020, a rentabilidade da carteira seria duramente afetada.

Agora imagine que a carteira tivesse 60% em renda fixa, 30% em renda variável e 10% em ouro. A queda total do patrimônio seria atenuada porque os 10% em ouro subiriam 40% ou mais no mesmo período.

Gestores profissionais reiteram que o papel do ouro não é o de um investimento clássico, por isso recomendam que o percentual a ele destinado seja menor.

Seu papel é proteger o patrimônio – daí se diz que ouro é sinônimo de hegde (proteção, em inglês).

Quando devo comprar ouro?

Sempre e de acordo com o percentual que você definiu em termos de alocação de ativos na sua carteira de investimentos.

No exemplo que usamos acima, o ouro deve representar 10% do total do patrimônio e provavelmente extrapolou esse valor com a alta súbita.

Quando o percentual for excedido, você deve vender parte do ouro e realocar em outra classe de ativos que tenha ficado abaixo da meta percentual (renda variável, por exemplo).

O oposto também vale, caso a situação mude no futuro. Ou seja, o ideal é investir em ouro aos poucos, comprando com frequência e de acordo com sua estratégia.

Nada de querer adivinhar o momento para conseguir a melhor cotação da grama de ouro, afinal estamos falando de um ativo de proteção e presença constante no seu portfólio.

Quais os riscos de investir em ouro?

Se você comprar ouro de forma não especulativa, você não terá grande sustos ou problemas. Lembre-se do ouro como ativo de proteção.

O mais importante para sua sanidade mental (e seu patrimônio) é não se ater à rentabilidade do ouro como um fator primordial para tê-lo em carteira.

O objetivo não é ganhar dinheiro comprando e vendendo ouro, mas minimizar o risco de perda de toda a carteira.

A alta volatilidade no preço do ouro hoje e sua liquidez no mercado secundário não pode se transformar em uma neurose.

Controle seu ímpeto: a variação na cotação tampouco deve ser encarada como uma oportunidade para especular.

Seu foco deve ser a proteção do patrimônio. Compreenda melhor o que costuma mexer com a cotação do ouro mundo afora:

  • Situação econômica dos principais países do mundo (política monetária, taxa de juros, consumo, recessão ou não, mercado de renda variável em geral e etc.);
  • Oferta e demanda. Quanto mais gente procura ouro como investimento e proteção, mais sua cotação aumenta (e vice-versa);
  • Aspectos naturais que envolvam extração do ouro, o que afeta pode diminuir ou aumentar a oferta.

Quer guardar dinheiro: Baixe o App Grão (é grátis, clique aqui)

Como investir em ouro na XP (ou em outra corretora)?

Para investir em ouro através de uma corretora, você pode negociar contratos futuros de ouro ou se tornar um investidor de um fundo de investimentos em ouro.

Contratos futuros de ouro

Com a conta aberta na corretora de sua preferência, você precisará usar a plataforma de negociação oferecida por ela – também chamada de home broker.

É através do home broker que você negocia os contratos futuros de ouro de maior liquidez, cujos códigos são os seguintes:

  • Lote Padrão de 250g: código OZ1D;
  • Lote Fracionário de 10g: código OZ2D.

Neste caso, você compra e vende o contrato, não o ouro físico em si.

Como a negociação acontece via bolsa de valores, você tem isenção de Imposto de Renda em operações com lucro de até R$ 20 mil dentro do mês.

Recomenda-se que investir em ouro através de contratos futuros seja uma escolha do investidor mais experiente e que tenha parte de sua estratégia voltada para o curto e médio prazo.

Se você é um investidor iniciante, prefira fundos de investimento em ouro.

Fundo de investimento em ouro vale a pena?

O fundo de investimento em ouro é a porta de entrada para o investidor que deseja começar sua proteção de patrimônio.

Com o fundo, não há a necessidade de tê-lo fisicamente em casa ou em algum outro lugar.

Quando você é cotista de um fundo de investimento em ouro, você apenas se preocupa com aportar mais no fundo (ou reduzir sua posição).

Esqueça a necessidade de saber códigos específicos ou entender do mercado de mercadorias e futuros.

O gestor profissional que administra o fundo de investimento em ouro é o responsável pelas operações. Os fundos aqui podem ser:

  • Passivos, em que o gestor busca apenas acompanhar a flutuação da cotação da grama do ouro no mercado;
  • Ativos, em que o gestor busca também negociar o ouro em busca de rentabilidade superior.

Alguns exemplos de fundos de investimento em ouro:

  • Órama Ouro FIM: investimento mínimo inicial de R$ 100,00, com taxa de administração máxima de 0,6% ao ano;
  • XP Trend Ouro FIM: investimento mínimo inicial de R$ 500,00, com taxa de administração de 0,5% ao ano;
  • Caixa FI Ouro: investimento mínimo inicial de R$ 5.000,00, com taxa de administração de 1,5% ao ano.

Como investir em ouro físico?

A compra de ouro em barras já foi um pouco mais complicada, mas hoje está mais simples graças à Internet.

Instituições credenciadas usam a Internet para oferecer seus serviços e a entrega acontece direto em sua casa.

A escolha por comprar ouro online precisa levar em conta a segurança e solidez da instituição escolhida.

Pesquise se a distribuidora de valor (DTVM) escolhida está devidamente credenciada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e Banco Central (BC).

No primeiro acesso, você terá que realizar um cadastro, conforme exigência do BC.

Ao acessar o site da empresa depois disso, você vai se deparar com a possibilidade de comprar diferentes quantidades de ouro.

Você pode comprar de 1g até múltiplos de 1 onça (28g), ou até mesmo formatos e pesos específicos, tais como:

  • Barras de ouro;
  • Pirâmides de ouro;
  • Lâminas de ouro;
  • Cartões com uma barra/lâmina de ouro.

A entrega em casa através dos Correios acontece com valor assegurado até R$ 50 mil, sempre de forma discreta e segura.

Você deve se certificar de que será capaz de receber o próprio pedido ou então terá que preencher um termo de autorização para outra pessoa receber em seu nome.

Como neste caso o ouro físico será entregue em sua casa, é importante ter um local seguro para guardá-lo. Um cofre é o mínimo necessário.

Você também pode contratar um banco para guardar seu ouro, mediante pagamento de custódia mensal que varia de acordo com o volume financeiro envolvido.

Ourominas é confiável?

Segundo informações que constam no site da empresa, o negócio existe e oferece metais preciosos e moedas há mais de 30 anos.

A empresa diz contar com mais de 80 lojas espalhadas pelo Brasil, entre próprias e credenciadas. A Ourominas é uma marca da O.M. D.T.V.M Ltda.

Parmetal é confiável?

Segundo o site oficial da empresa, a PARMETAL D.T.V.M é uma instituição financeira credenciada pelo BC, com o Número de Instituição 37637 e pela CVM.

Sua matriz está registrada no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ) com o Número 20.155.248/0001-39.

Como comprar ouro online de forma segura?

Como consumidor, você deve dar preferência para a compra direto com a empresa e suas lojas próprias.

Caso encontre-se em uma cidade em que só existe loja credenciada, antes de fechar negócio faça contato com a matriz.

Sempre confirme se o local continua credenciado e apto a negociar em nome deles.

Toda e qualquer negociação precisa ter comprovantes que especifiquem claramente os parâmetros utilizados, bem como detalhe a empresa envolvida e o cliente.

Na dúvida, não faça negócio e informe-se mais sobre a empresa também procurando sobre sua reputação em sites como Reclame Aqui, entre outros.

O interessante no caso de empresas credenciadas é que a recompra do ouro é garantida, ainda que em uma cotação inferior.

Isso é importante porque o ouro é certificado, o que dá segurança de que não se trata de um produto adulterado. Você será capaz de vender com facilidade.

Ter joias também é investir em ouro?

Se você tem joias, elas podem ser consideradas parte do patrimônio, mas não as coloque como fator de proteção da carteira.

Não custa lembrar que a proteção é o papel principal do ouro, como aprendemos um pouco mais no texto de hoje.

Embora você possa negociar diretamente com outras pessoas ou através de lojas de penhor, prefira outras modalidades.

O que são aqueles vendedores de ouro nas ruas?

Existe um mercado informal de negociação de ouro e muitos dos vendedores de rua que observamos fazem parte dele.

Você pode notar que o preço do ouro praticado é mais atraente, mas é importante se certificar de cuidados.

  • Estamos mesmo falando de ouro puro?
  • Há uma empresa credenciada certificando o ouro vendido?
  • Ao tentar vender o ouro, será que haverá liquidez? Mas a que preço?
  • Qual é a procedência do ouro vendido nas ruas?

Em finanças e investimentos, existe uma regra simples que evita muitos arrependimentos: “sempre que o negócio parecer bom demais para ser verdade, desconfie”;

Assim, é provável que seja mesmo muito bom para ser verdade, ou seja, seja uma mentira, um golpe.

Guardar dinheiro ficou fácil: Abra conta grátis na Grão (clique aqui)

Conclusão

Para investir em ouro de uma forma segura e responsável você deve primeiro entender o papel do ouro em sua carteira de investimentos.

O ouro é um ativo de proteção, não uma fonte pura e simples de rentabilidade.

Você compra ouro para fazer hedge, ou seja, amenizar o efeito de crises e situações inesperadas em sua carteira.

Como um dos ativos mais valiosos do mundo há séculos, o ouro segue sendo muito procurado e é reconhecido como uma reserva de valor.

Hoje em dia você já consegue comprar ouro online de forma segura ou até mesmo investir em outro na bolsa de valores ou através de um fundo de investimento em ouro.

Aproveite que você aprendeu mais sobre ouro e comece hoje mesmo a melhorar a diversificação de seus investimentos.

—— Este artigo foi escrito por Conrado Navarro. Este artigo apareceu originalmente no site Dinheirama.A reprodução deste texto só pode ser realizada mediante expressa autorização de seu autor. Para falar conosco, use nosso formulário de contato. Siga-nos no Twitter: @Dinheirama

Como investir em ações, o guia completo pra você

Investir ações na Bolsa não é algo complicado e cada vez mais brasileiros estão se movendo para o mercado de ações. Nesse guia, você entenderá tudo que precisa para começar a investir em ações.

Veja o passo a passo para investir em ações na Bolsa de Valores:

  • Escolha uma corretora com boa reputação;
  • Abra sua conta e envie os documentos necessários;
  • Transfira o dinheiro para a corretora;
  • Planeje sua estratégia de investimentos;
  • Acesse o painel de trade da corretora;
  • Compre as ações e execute sua estratégia;

O guia acima é um resumo de um passo a passo simples, no resto do texto você vai aprender as estratégias mais usadas para investir, os custos envolvidos e os fundamentos para começar bem.

Assuntos que iremos abordar:

O que são ações?

Ações são porcentagens de propriedade uma empresa. Quando você compra uma ação, você está efetivamente comprando parte societária daquela companhia e assim virando um acionista.

As companhias vendem ações na Bolsa de Valores para levantar fundos para suas operações. Além de ter participação nas ações, o investidor pode receber alguns privilégios dependendo das ações, como:

  • Direito de voto: você talvez possa ter direito de voto nas reuniões anuais da empresa.
  • Dividendos: é possível, dependendo do tipo de ação e da empresa, que você receba parte dos lucros.
  • Apreciação do capital: se o valor da companhia subir, então, você pode ter ganhos do capital investido.

Quais as vantagens de investir em ações?

Investir em ações te dá a possibilidade de compartilhar dos lucros e do sucesso das principais empresas do seu país e até mesmo do mundo.

O Ibovespa, o índice com as maiores empresas brasileiras na bolsa, cresceu 31,58% em 2019 e vem se recuperando bem da crise atual, só ficando atrás do Bitcoin. É por esse motivo que muitos investidores de longo prazo investem em algumas ações.

Desempenho do Ibovespa 2019 atualizado em dezembro de 2019

Desempenho do Ibovespa em 2019

Mas investir em ações não vem sem riscos, o mercado é volátil e o valor das empresas pode ser afetado por diversos fatores. Diferente da renda fixa, onde é possível encontrar produtos com algumas garantias, com as ações não existem garantias iguais.

Ou seja, quem prefere menos riscos pode escolher outros investimentos, agluns têm garantias do governo até certas quantias, como o CDB, LCI, LCA e RDBs.

Como ganhar dinheiro na Bolsa de Valores?

Estratégias:

As estratégias para ganhar dinheiro na Bolsa de Valores são inúmeras, listaremos as principais para que você possa começar seus estudos.

  1. Longo prazo: Nessa modalidade, os investidores compram ações para segurá-las por meses ou anos. É ideal para investidores que pensam na realização de lucro no longo prazo e têm paciência para segurar as ações de acordo com os seus objetivos. Uma estratégia muito usada por esse tipo de investidor é o position trade.
  2. Day trade: São operações de compra e venda efetuadas no mesmo dia. Muitas vezes, os investidores usam alavancagem, permitindo um investimento maior do que você tem na conta. É uma modalidade arriscada.
  3. Dividendos: Muitos investidores compram ações que historicamente pagam dividendos. Ou seja, além do valor da própria ação, você recebe parte dos lucros.
  4. Curto prazo: São operações que acontecem no período de dias, semanas ou meses. Comumente usadas com a técnica de swing trade, as estratégias de curto prazo exigem maior acompanhamento do mercado.
  5. Operações de short ou vendidas: Você também pode ganhar dinheiro com ações que vão cair. Nessa operação você aluga as ações, vende e depois devolve ao dono. É uma estratégia avançada mas que pode ser muito efetiva.
  6. Aluguel de ações: Os investidores que querem fazer short precisam de alugar ações de alguém. Em troca, você pode ganhar uma pequena remuneração.

Há diversas outras maneiras de ganhar dinheiro com ações, mas essas são as mais usadas.

Quanto custa investir em ações?

É possível começar a investir em ações com pequenas quantidades no mercado fracionário, contudo, é bom ficar de olho nas taxas e impostos.

Primeiramente, você precisa verificar qual a taxa da corretora utilizada. Algumas corretoras usam uma taxa fixa por transação, outras, preferem porcentagem. Ou seja, cada vez que você fizer uma compra/venda pagará a taxa.

Outras corretoras também podem cobrar uma taxa de custódia. A corretora é paga por guardar suas ações, a maior parte delas não tem essa taxa.

Por fim, há o custo de tributação. Você deve pagar a alíquota de 15% sobre os ganhos de capital obtidos, o pagamento deve ser mensal através da emissão de uma DARF.

Não existe cobrança do Imposto de Renda se você vendeu mais de R$20 mil no mês com lucro.

Última dica

Para ter um bom desempenho investindo em ações é importante ficar bem informado, por isso, recomendamos assinar nossa Newsletter e acompanhar portais de notícias como o Cointimes.

Siga a Foxbit nas redes sociais para mais dicas – Facebook, Instagram e LinkedIn

The post Como investir em ações, o guia completo pra você appeared first on Foxbit .

O bitcoin está estável, mas de uma forma diferente – Mercurius Report #13

É impossível iniciar essa análise semanal do mercado de bitcoin e criptomoedas sem comentar sobre a institucionalização do mercado, com a entrada ainda maior de players como a Fidelity e o JP Morgan que reforçaram seus investimentos nos ativos digitais e aumentaram ainda mais a confiança dos grandes investidores em criptomoedas.

8 trilhões de dólares a caminho?

A Fidelity entrou com um pedido para
lançar um fundo de investimentos em Bitcoin para os seus clientes. A
empresas é um dos maiores players institucionais do mundo e possui mais de 8
trilhões de dólares
em custódia.

Qualquer pequena alocação que a
empresa realize no ativo possui um grande potencial de impactar o preço da
criptomoeda.

Além do que, a entrada de um player
como esse fomenta ainda mais a discussão entre os investidores institucionais sobre
o BTC como uma oportunidade de investimento.

Inclusive esse foi o tema do report dessa semana da Bitcoin Starter, em que explicamos os principais fatores fundamentalistas que podem levar o preço do BTC para um outro patamar. Caso você queria ter acesso exclusivo a esse conteúdo é só acessar nesse link.

Mas continuando a falar de mercado, o Bitcoin parece estar estável…

Volatilidade Baixa, mas de forma
diferente

Apesar de uma estabilidade no gráfico mensal, os
movimentos diários do BTC estão com uma grande amplitude, o que faz com
que a volatilidade mensal do ativo retorne a níveis semelhantes aos da região
dos 10.000 USD que vimos a meses atrás, mas sua volatilidade semanal se
mantenha próxima a média anual do ativo, o que colabora para a manutenção do
volume diário no ativo. 

Volume do mercado spot ainda estável

Estamos observando uma baixa volatilidade e movimentação
de preço do BTC quando analisamos o gráfico mensal. Historicamente, isso
implicaria em uma queda considerável do volume do mercado spot.

Mas o ativo está diferente de meses atrás, apesar da baixa
movimentação em termos semanais e mensais, o BTC permanece fazendo movimentos
em uma zona de grande amplitude, o que garante a manutenção de seu volume.

Quer saber mais sobre o mercado?

Então acesse nosso report de forma gratuita.

E se
quiser receber
estudos semanais
 sobre o mercado de criptomoedas, além de
uma análise de risco das principais exchanges do mercadotorne-se assinante da Bitcoin Starter.

PS: Não estamos recomendando nenhum investimento, apenas te informando sobre o mercado
para que você possa tomar a melhor decisão o possível.

The post O bitcoin está estável, mas de uma forma diferente – Mercurius Report #13 appeared first on Foxbit .

Não vale a pena ficar com Real

Já estamos há quase 3 meses na crise do COVID-19 e o mercado está mostrando algumas tendências que você não deve perder. Iremos explicá-las hoje.

Desempenho do dólar/real 

O COPOM, Comitê de Política Monetária, continua reduzindo a taxa de juros básica do país, tornando os títulos de dívida do Brasil menos atrativos. Enquanto o Brasil alcança níveis recordes de rombo fiscal, aumentando o risco de calote da dívida, as taxas deveriam refletir esse risco.

Mas com a fuga de capital do Brasil para países estrangeiros, fica claro que os investidores estão enxergando que a taxa Selic está artificialmente baixa, e o Real não está valendo a pena.

Por outro lado, o governo norte-americano consegue adotar as práticas de cortar juros e imprimir moeda sem as mesmas devastadoras consequências por causa da alta demanda mundial que o dólar tem.  

Ainda segundo o FMI, as projeções para o Brasil não são nada boas, o nosso PIB deve encolher 5,3% e o desemprego deve alcançar os 14,7%.

Por esses e outros motivos, o desempenho do dólar americano e suas stablecoins como TrueUSD apresentaram um crescimento exponencial até os R$ 5,69, no momento da escrita deste artigo.

Ou seja, se você tivesse comprado mil reais em TrueUSD na Foxbit no começo do ano, eles estariam valendo hoje cerca de R$ 1293,18.

Desempenho do ouro/real

O ouro (XAU) é outro ativo muito procurado em crises econômicas, é uma reserva de valor milenar com um marketcap de quase US$8 trilhões. 

O minério além de ser usado pela indústria, é figura certa em crises econômicas. E não foi diferente nessa.

Segundo dados do Bullion-rate, o XAU teve uma valorização de 43% perante o real. O grama de ouro saiu de R$215,96 e está sendo cotado no momento que escrevemos o post em R$309,81.

Isso significa que se você tivesse comprado R$1000,00 em ouro no começo do ano, agora você teria R$1430,00. Veja no gráfico abaixo como o ouro subiu:

Desempenho bitcoin/real  

Se você ficou abismado com o desempenho do ouro, não esqueça do ouro digital. O Bitcoin apresentou uma valorização surpreendente. Hoje, R$ 1,00 compra apenas 0,000017 Bitcoin.

A criptomoeda saiu dos R$28.266,00 no começo do ano para o patamar de aproximadamente R$64.200,00 enquanto escrevemos esse post, hoje, dia 01/09/2020.

Apesar de ter uma grande queda no dia 12 de março, o desempenho do Bitcoin durante a crise está apenas reforçando a tese de reserva de valor que acreditava-se que o ativo digital poderia ser.

Vantagens do bitcoin sob o ouro e dólar?

Além de não se deteriorar com o tempo, podendo ser guardado com segurança ao longo dos anos, o Bitcoin a cada ano que passa apresenta maior liquidez, podendo ser usado como dinheiro em qualquer lugar do mundo. Hoje o Bitcoin é aceito nas maquininhas da Cielo e em outras milhares de lojas online e offline. 

O ativo também tem aplicabilidades fora o seu uso como dinheiro, como registros de autenticidade em Blockchain. E por fim, e mais importante característica de uma reserva de valor, o Bitcoin é verdadeiramente escasso, e essa foi sua maior inovação, trazer a escassez para o mundo digital.

Desde que as moedas estatais perderam seu lastro e se tornaram fiduciárias (baseadas em confiança), elas não apresentam escassez real, tendo suas ofertas aumentadas a níveis imprevisíveis no longo prazo.

Risco de confiscarem seu dinheiro

Além de perder valor para o dólar, ouro, bitcoin e diversos outros ativos, o real tem um risco jurídico muito grande.

Como foi noticiado no Cointimes, o congresso já chegou a pautar um projeto para confiscar dinheiro de empresas privadas.

Felizmente ele foi rejeitado, contudo, o chamado “empréstimo compulsório” pode voltar a qualquer momento e segundo o Mestre em Direito das Relações Econômicas da FGV, o Dr. Pedro Barreto: “ o tributo pode incidir de imediato, não é necessário aguardar o mínimo de 90 dias e nem é necessário aguardar o exercício financeiro seguinte”.

Ou seja, se o governo achar necessário, ele irá aplicar o empréstimo compulsório. O Cointimes explica melhor as questões jurídicas por trás desse risco.

Se é muito fácil para o governo confiscar o seu dinheiro, como já aconteceu em 1994 com Collor e agora no Líbano, é impossível que ele pegue seus bitcoins sem sua autorização explícita. 

O real não está valendo a pena em 2020

Como vimos, guardar o esforço do seu trabalho em reais tem sido extremamente negativo. Seu poder de compra está diminuindo, o valor perante os outros ativos derretendo em pelo menos 40% e o risco de “empréstimo compulsório” cada vez mais eminente.

O Bitcoin, TrueUSD e as criptomoedas em geral ajudam a reduzir o risco jurídico e estão se provando resistentes a atual crise global, diferente do real – a pior moeda de 2020.

The post Não vale a pena ficar com Real appeared first on Foxbit .

O Bitcoin se manteve estável. – Mercurius Report #12

Nessa semana o Bitcoin foi uma dos criptos que menos sofreu com o momento de retração do mercado, se observarmos entre os dez principais criptoativos do mercado. Todos esses ativos operaram no vermelho, em média –5%.

O que isso significa para o ativo?

A
dominância finalmente estabilizou

Assim como os demais indicadores, a dominância de mercado do
BTC também se consolidou nessa semana (abaixo dos 60%).

Essa estabilidade está ligada ao fato de que todo o mercado está em um momento de retração e, como era de se esperar, o Bitcoin foi um dos ativos que menos retraiu (apenas 0,81% contra a média de 5% entre as 10 maiores criptomoedas do mercado).

Um
otimismo que não é muito positivo

Já faz duas semanas que o Bitcoin se manteve na zona de
ganância extrema
, mesmo após a retração semanal de cerca de 1% do ativo (após
falhar na tentativa de romper os 12.000 USD).

Essa fase que deve ser interpretado com cautela pelos
investidores, pois os momentos de irracionalidade do mercado são precedidos de grandes
correções contrárias.

Podemos
ver reversão no gráfico semanal?

Sem dúvida é prematuro apostar em uma inversão de
tendência
. Entretanto, precisamos considerar essa possibilidade, embasados
principalmente no estocástico (stock).

O Estocástico consiste em um indicador de reversão, ou seja,
mostra quando o preço está sobrecomprado ou sobrevendido,
sugerindo descida ou subida, respectivamente.

No momento, o estocástico está sobrecomprado e suas linhas
estão se cruzando, indicando potencial de desvalorização.

Se
descer, onde comprar? Se subir, onde vender?

A partir da análise, podemos verificar que permanecemos em
uma tendência de alta, mas com algumas objeções.

As perguntas que ficam são: onde vamos parar se subirmos?
E se descermos?

As respostas para esses questionamentos podem ser encontradas
em Fibonacci e nos suportes e resistências. A próxima resistência relevante
está a 12950 USD, e coincide com o topo do canal, representando um bom
ponto para venda. Já os pontos de retração de Fibonacci estão dispostos até o
fundo do canal e podem ser boas regiões de compra.

100% em
menos de uma semana

Como havíamos comentado na análise exclusiva para
assinantes
, a Ethereum vem sofrendo com altas taxas de transação, o
que forçou o Tether (maior stablecoin da atualidade) a utilizar outras
redes que não a da Ethereum, para reduzir o seu custo de transação.

Como resultado, o Tether foi integrado na OmiseGO, o
que causou uma valorização de 100% no ativo em apenas uma semana.

Ficou interessado em saber ainda mais sobre o mercado?

Então baixe o Foxbit Report de forma gratuita.

E se quiser receber estudos semanais sobre o mercado de criptomoedas, além de uma análise de risco das principais exchanges do mercado, torne-se assinante da Bitcoin Starter.

The post O Bitcoin se manteve estável. – Mercurius Report #12 appeared first on Foxbit .

O que é Defi? E qual sua importância para o mercado?

O que é Defi? DeFi é uma sigla para a palavra Decentralized Finance e significa finanças descentralizadas. Ela parte da ideia de construir instrumentos financeiros no blockchain, de forma descentralizada e independente de empresas e governos.

Vamos falar mais sobre esse conceito,  suas principais aplicações, desafios e como você pode acompanhar as tendências desse mercado inovador.

Visão geral sobre DeFi:

A recriação  de serviços financeiros bancários sem centralização e intermediários tradicionais começou com o Bitcoin. Sem um organizador central para emissão de moeda, o bitcoin é o primeiro e grande exemplo DeFi.

Mas o conceito evoluiu, principalmente com o Ethereum e seus contratos inteligentes mais abrangentes e flexíveis que os encontrados no Bitcoin. Como resultado, uma série de aplicações, antes somente efetuadas no mercado financeiro tradicional e centralizado, começaram a surgir usando blockchain.

“O objetivo do DeFi é reconstruir o sistema bancário para todo o mundo desta forma aberta e sem permissão”, diz Alex Pack, sócio-gerente da Dragonfly Capital.

Usos e principais projetos DeFi

A reconstrução do sistema bancário abarca empréstimos via blockchain, corretoras, tokens sintéticos, sistemas de pagamentos, derivativos e uma miríade de produtos estão sendo desenvolvidos nesse novo ambiente. 

Utilizando o site DeFi Pulse, podemos ver os projetos mais usados pelos investidores. Abaixo, temos uma lista de projetos com maior quantidade de tokens em dólares travados nas aplicações.

Tabela DeFi Pulse

Um dos exemplos é o Maker Dao, uma plataforma de crédito descentralizado que suporta a stablecoin DAI – cujo valor tentar ficar indexado com o dólar usando contratos inteligentes.

Outro experimento é o DeFi Synthetix, uma plataforma de derivativos no Ethereum usada para criar ativos sintéticos, ou seja, ativos com valor indexado em ações, cotação do ouro e outros tokens no blockchain.

Desafios do DeFi

Há centenas de protocolos tentando os mais diversos usos para o blockchain. Contudo, é preciso tomar alguns cuidados antes de se aventurar em DeFis. 

Por ser um conceito novo, muitos investidores estão aportando grandes valores em projetos sem nenhuma auditoria de segurança ou até mesmo que não são descentralizados o suficiente. O que pode resultar na perda completa dos fundos.

A falta de descentralização é outro desafio de segurança enfrentado por diversos projetos, o que pode abrir portas para censura e problemas relacionados a finanças tradicionais. Antes de investir, pesquise e estudo o projeto para evitar perda de fundos ou resultados inesperados. 

A ideia de substituir serviços centralizados é muito bem-vinda, mas há ainda grandes desafios e as inovações no movimento DeFi prometem superá-los e dar mais descentralização e transparência para nosso sistema financeiro.

The post O que é Defi? E qual sua importância para o mercado? appeared first on Foxbit .

MARAVILHAS DA TERRA (MDT MUNDI) – SAIBA TUDO AQUI!

MARAVILHAS DA TERRA –  A melhor Oportunidade de Negócios da Atualidade!

Nesta página você saberá tudo sobre a Maravilhas da Terra! Esta é uma página explicativa e não se trata do site oficial da empresa.

Se você gostaria de ganhar dinheiro, viajar com tudo pago, ganhar carros e comercializar produtos de saúde e bem estar de alta qualidade, você está no local certo!

O que é Maravilhas da Terra – MDT MUNDI

imagem com a logomarca da maravilhas da terra

Fundada em Jundiaí-SP no ano de 2017, a Maravilhas da Terra ( MDT Mundi ), é uma empresa que comercializa produtos de Saúde e Bem-Estar com altíssima qualidade, em pouco tempo já ganhou espaço no Brasil e tem sido preferencia.

Visando sua expansão a nível mundial, a Maravilhas da Terra passou a se chamar MDT Mundi também.

A MDT Maravilhas da Terra possui Centros de Distribuição espalhados pelo pais e esta iniciando sua expansão internacional por meio de seus milhares de empreendedores posicionados no bilionario mercado de saúde e bem estar.

Criada por Neil e Lorena Campos Com apenas um chá, ajudaram milhares de pessoas a viverem com mais saúde, autoestima, alegria e felizes com o seu corpo. Ouvi-se muitos relatos de transformação de vida graças aos Produtos da Maravilhas da Terra.

Em 2019, com a chegada do nosso CEO Martinelly Santos, a empresa ingressou oficialmente no mercado      de Marketing de Relacionamento (MMN), permitindo a todas essas pessoas transformarem suas vidas de forma muito mais rápida. A empresa cresceu 1.250% em 2019, devido a qualidade e portfólio de produtos.

Visando o crescimento e alavancagem, a empresa decidiu avançar por todos os cantos do país. Criaram, então, a oportunidade de pessoas terem o seu negócio próprio, oferecendo os chás aos seus amigos, familiares e clientes, por meio da Venda Direta. Deu MUITO certo.

Produtos MDT Maravilhas da Terra

Imagem com todos os produtos da Maravilhas da Terra

Os Produtos da Maravilha da Terra possuem alto padrão de qualidade, são produtos voltados para saúde e bem-estar. A empresa vem crescendo muito no país devido aos seus produtos estarem dando muito resultados.

O Super Chá SB (seca barriga) MDTea da MDT Maravilhas da Terra teve a sua formulação potencializada para potencializar os resultados e entregar ainda mais bem-estar para os consultores e consumidores final visando otimizar sua ação com base nas premissas técnico-regulatórias.

Além disso, todos os chás evoluíram para a nova linha MDTea, que marca um novo momento no posicionamento mundial da companhia – MDT Mundi.

Isso porque os chás SB, Linfachá, Sbeltchá, Sonobom, Santé e Glycontrol passam a contar com o selo Kosher, com ervas selecionadas e rastreadas desde o plantio até a produção. Com isso, a absorção pelo organismo ocorre de maneira ainda mais natural e rápida.

O selo Kosher é uma certificação reconhecida internacionalmente e fortalece o comprometimento com a qualidade, com base em sua expansão para outros países.

QUER COMPRAR PRODUTOS MARAVILHAS DA TERRA?

ir para pagina de venda de produtos

imagem com produtos da maravilhas da terra

Como Funciona a Maravilhas da Terra

A MDT Mundi possui várias formas de ganhos onde você poderá comercializar produtos ou montar sua equipe e ter ganhos sobre a produção de toda sua rede de relacionamento dentro da Maravilhas da Terra.

Como funciona a Maravilhas da Terra: para ter direito a comprar produtos a preço de custo e participar das formas de ganhos da empresa, é preciso adquirir seu Kit inicial MDT BOX.

kit da maravilhas da terra com varios produtosCom apenas R$297,90 você inicia o negócio e leva:

– 10 chás para revenda com até 100% de lucro

– 3 Guias do Sistema de Treinamento Freedom

– Loja virtual exclusiva pra vender produtos Online sem sair de casa e terá

– Direito de representar a marca.

 

FAÇA O SEU CADASTRO E ADQUIRA O SEU KIT:Cadastrar na Maravilhas da Terra

 

Formas de Ganhos Maravilhas da Terra

Ao todo são 12 formas de ganhos da Maravilhas da Terra MDT incluindo vendas diretas, bônus de incentivo, bônus de viagem, bônus de rede e bônus carro.

Veja abaixo quais são as formas de ganhos:

1. Bônus de Comercialização

Ganhe até 100% de margem de lucro sobre a revenda dos produtos MDT.
Exemplo: Compre um chá por: R$ 20,00 Venda por: R$ 40,00
Venda 5 chás por dia durante 30 dias e lucre: R$ 3.000,00

2. Bônus de Primeiro Pedido

segunda forma de ganho da mdt mundi

Ao cadastrar uma nova pessoa na Maravilhas da Terra, você faz 100 pontos de Volume de Conexão.

Ganha um percentual em cima desses pontos nas seguintes proporções:

25% no primeiro nível
5% no segundo e
5% no terceiro

Ao se tornar Elite ou acima, passa a ter ganhos também sobre as suas gerações*. Você pode ganhar 5% sobre até 5 gerações de acordo com a sua graduação, com compressão dinâmica geracional.

3. Bônus de Equipe

Preencha as 14 posições de sua Matriz Educacional e habilite sua Matriz Profissional, que paga um bônus diferenciado.

Entenda como funciona:

bonus de equipe mdt

Para preencher essas 14 posições da Educacional, basta você cadastrar dois Consultores que cadastrem mais dois, e cada um também cadastre mais 2. Caso um desses Consultores da Matriz não faça essas duas conexões, caberá a você cadastrar alguém para preencher o espaço vazio.

Quando você conecta alguém, o preenchimento dos espaços vazios é automático, na direção da esquerda para a direita. Importante: enquanto não preencher exatamente essas 14 posições da Matriz Educacional, não é possível abrir a Profissional.

O principal sistema de remuneração é Unilevel.

O Bônus de Equipe é uma remuneração diferenciada baseada na montagem de duas equipes chamadas de Educacional e Profissional.

 

4. Bônus Infinity

Receba um percentual sobre as compras de produtos de seus indicados diretos e dos descendentes deles de acordo com sua graduação. Os percentuais são calculados em cima do Volume Pessoal de cada um.

Para ter acesso a esse bônus você precisa estar ativo.

Este bônus é pago com compressão dinâmica geracional por graduação. Ou seja, quanto maior a sua graduação, mais você ganhará na profundidade. Você também aumenta os níveis e gerações de ganhos, se for o maior líder graduado de sua equipe:

4ª forma de ganho maravilhas da terra
5. Bônus Produtividade

Esse bônus também é pago sobre as compras dos seus diretos e descendentes, soma-se ao Bônus Infinity.

Para estar apto a receber o bônus de produtividade você precisa estar ativo e graduado como Elite, Safira, Rubi, Esmeralda, Diamante ou acima.

É um bônus de emancipação gradativa para que você possa acompanhar no Escritório virtual, basta calcular a porcentagem de 3% sobre VG (volume de grupo), VG-S, VG-R, VG-E e VG-D, de acordo com sua graduação.

Veja a tabela de emancipação gradativa sobre o VG:

bonus de produtividade maravilhas da terra
6. Bônus Celebrity (Incentivo Fidelidade)

Ao chegar a Diamante ou acima, você se torna uma celebridade e passa a ser percebido como referência de sucesso na Maravilhas da Terra.

Para estimular o seu crescimento e seguir formando novos Diamantes, a MDT Mundi criou o Bônus Celebrity, que é um bônus pago sobre o resultado financeiro gerado por um Diamante ou graduação acima e que seja primeira geração em sua linha descendente.

Gradue-se como Diamante ou mais e ajude a formar novos Diamantes ou acima e receba um percentual sobre os ganhos deles.

Você receberá um percentual do Bônus de Produtividade da sua primeira geração de Diamante ou acima, de acordo com a tabela:

Sexta forma de ganho da maravilhas da terra
7. Bônus de Liderança (Incentivo Fidelidade)

O Bônus de Liderança da Maravilhas da Terra é pago para Blue Diamond ou graduados acima.

Você receberá 2% sobre o seu VG-B ao se tornar Blue Diamond, e ao se tornar um distribuidor Red Diamond, passe a receber 2% de todos os seus Blue Diamond e acima. Quanto maior a sua graduação, maior os seus níveis de ganho em profundidade de Blue Diamonds e acima, conforme tabela:

setima forma de ganho da mdt mundi

8. Bônus de Participação (Incentivo Fidelidade)

O bônus de participação da Maravilhas da Terra é destinado aos Elite e acima, a MDT separa 3% do total de pontos gerados pela venda de produtos durante o mês.

Requisitos para receber este bônus:

  • O consultor necessita ter graduado durante 3 meses consecutivos;
  • estar ativo com 200 pontos;
  • estar habilitado a receber o bônus de equipe;
  • Ser Construtor de Sucesso e estar recebendo no mínimo 10 Bônus Treinador;
  • Ter pelo menos 1 novo consultor direto cadastrado no mês;
  • Estar inscrito e habilitado no app Freedom ( com o pagamento em dia);
  • Participar das Opens e Seminários.

8 bonus maravilhas da terra

9. Bônus Treinador

Ganhe 15% do Volume de Conexão (VC) a cada novo consultor que você ajuda a se cadastrar à Maravilhas da Terra, sendo esta pessoa da sua rede ou em qualquer outra equipe da MDT Mundi.

O próprio Consultor que se cadastrou no negócio com sua ajuda, deve indicar você como Treinador na página de cadastro.

10. Bônus Construtor de Sucesso

Ganhe 5% todo mês sobre o Volume Pessoal gerado nas Matrizes Educacionais de suas Matrizes Profissionais.

11. Travel Points (Incentivo Fidelidade)

Os Travel Points é mais uma forma da empresa bonificar aqueles que tem comprometimento e estão trabalhando da forma correta.

Troque seus Travel Points por viagens!

Toda ativação mensal com 200 pontos de Volume Pessoal que você fizer irá acumular os Travel Points.

A cada novo cadastro que você faz, também soma Travel Points com 100 pontos de volume, ou seja, os pontos considerados para Travel Points é igual as somas dos VP e dos VC seu e de suas equipes, cada equipe poderá somar para você no máximo 25% dos Travel Points necessários para a sua premiação.

Exemplo: suponhamos que seja necessários 100 mil pontos para você ir a uma viagem, o máximo que cada uma de suas equipes poderá somar de Travel Points para você é de 25.000 (25%).

12. Premiações e Viagens (Incentivo Fidelidade)

bonus de viagens maravilhas da terra

Troque seus Travel Points por viagens inesquecíveis. O seu Escritório Virtual lhe fornecerá automaticamente os seus Travel Points para que você possa se programar

Veja as campanhas em vigor no Guia de Incentivos.

Cadastro Maravilhas da Terra

como se cadastra na mdt maravilhas da terra

Saiba como se cadastrar na MDT Maravilhas da Terra, seja um consultor MDT e ganhe muito dinheiro levando saúde e bem-estar para as pessoas.

Faça o seu Cadastro Maravilhas da Terra e comece a empreender o mais rápido possível!

O cadastro consiste no preenchimento dos seus dados e a compra do MDT BOX no valor de R$297.

Este Kit vem 10 chás que poderão ser comercializados por você e assim você recupera o valor do empreendimento.

Para preencher o cadastro e COMPRAR o MDT BOX Clique no botão:

botao de cadastro

O post MARAVILHAS DA TERRA (MDT MUNDI) – SAIBA TUDO AQUI! apareceu primeiro em NETWORK MUNDIAL – As melhores Oportunidades de Negócios!.

https://www.networkmundial.com/maravilhas-da-terra-mdt-mundi/